Ovo e abacate: os novos amigos da dieta

ovo

Entre uma dieta da moda e outra, o cardápio de alimentos permitidos varia bastante, já que cada uma tem um sistema específico para perda de peso. Mas até os clássicos vilões, inimigos número 1 na hora de obter um corpo em forma, agora são aceitos e, em alguns casos, queridinhos. Abacate e ovo, por exemplo, sempre estiveram riscados da lista de quem quer perder peso. Pura gordura e colesterol diziam, certo? Por um longo tempo, concordaríamos, mas os estudos da medicina avançaram ao longo dos anos e até eles foram liberados. “O abacate sempre foi considerado uma fruta calórica e rejeitado nas dietas restritivas. Porém as gorduras que o compõem são monoinsaturadas, contribuindo na diminuição dos níveis de colesterol e triglicérides. Além do mais, trata-se de uma fruta rica em fibras, o que promove saciedade e diminuição da fome, daí o ‘poder’ do abacate para o emagrecimento”, explica o endocrinologista Ricardo Di Rienzo, de São Paulo.

O ovo, por sua vez, não altera o nosso colesterol, pois contém uma substância chamada betaína, que ajuda o fígado a metabolizar esse colesterol, controlando assim as taxas na corrente sanguínea”, afirma a nutricionista Patricia Davidson, de São Paulo.

Por serem fontes de proteína e gordura – no caso do ovo – e de gordura – no caso do abacate -, os dois causam saciedade e inibem a fome. E você pode consumi-los de várias formas. “O ovo pode ser cozido, mexido no óleo de coco, na forma de omelete ou mesmo em preparações como suflê. O abacate pode ser consumido puro com limão ou ou até salgado, fazendo uma guacamole”, ensina Patricia.

Outros queridinhos das dietas
Além do ovo e abacate, outros alimentos estão indicados para consumo e são grandes aliados para a perda de peso. Confira:

Amêndoas: Ricas em proteínas e fibras, aumentam a saciedade.
Feijão: Com alta concentração de fibra solúvel, prolonga a sensação de saciedade.
Café: Aumenta o metabolismo em 15% e diminui a resistência insulínica.
Azeite de oliva: Regula o metabolismo.
Batata-doce: Fonte de carboidratos bons, que aumentam a saciedade. Além de conter vitamina C, potássio e cobre, que também ajudam a emagrecer.
Melancia: Rica em água, ajuda na desintoxicação do organismo.
Óleo de coco: É termogênico, pois aumenta a betaoxidação. Ele ajuda a evitar os estoques de gordura e age contra as bactérias patogênicas, mantendo um melhor equilíbrio da flora intestinal, que é importante para a boa absorção de nutrientes.

acerteolook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *